Segundo ABF, desemprego no Brasil gera expansão no mercado de franquias

//Segundo ABF, desemprego no Brasil gera expansão no mercado de franquias

Segundo ABF, desemprego no Brasil gera expansão no mercado de franquias

De desempregado a empreendedor!

O desemprego, que aumentou consideravelmente com a crise financeira no Brasil, acabou fomentando o crescimento do mercado de franquias no país. Com a possibilidade de adquirir uma micro franquia ou uma franquia a partir de R$5mil, brasileiros que buscam a recolocação no mercado de trabalho investem sua rescisão de demissão no franchising, que cada vez mais está conquistando espaço no comércio.

Conforme dados divulgados pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), o Brasil encerrou o terceiro semestre de 2017 com 12,6 milhões de pessoas desempregadas e à procura de oportunidades de regressar ao mercado de trabalho. Paralelo a isso, o crescimento do mercado de franquias cuja estimativa de faturamento em 2017 foi de aproximadamente 163 bilhões, apresenta-se como umas das opções mais viáveis para sair do aperto e voltar a ter uma ocupação ao tornar-se um empreendedor de um negócio que já tem metodologia, processos e marketing prontos.

* 2017: valor aproximado

O setor de micro franquias e franquias conta com diversos diferenciais e benefícios e com a retomada da economia brasileira, a expectativa da ABF em relação a 2018 é de crescimento entre 9% e 10% no mercado de franchising, superando o ano passado que teve um crescimento de 8%.

Com a diversidade de valores de investimento, você que está desempregado, tem a possibilidade de investir sua rescisão e adquirir um negócio em um mercado que tem se mostrado cada vez mais promissor no país.

 

By | 2018-02-21T09:03:22+00:00 06/02/2018|Franquias|0 Comentários